Saúde

Maternidade Evangelina Rosa é destaque no trabalho de segurança do paciente

De maneira contínua, a unidade realiza treinamentos aos servidores.
Fonte: Governo do Piauí | Editor: Redação 22/03/2018 09:05

De maneira contínua, o Núcleo de Segurança do Paciente (NSP), da Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER), realiza treinamentos aos servidores que atuam em diversos setores e que participam das atividades de forma ativa. As capacitações têm como propósito melhorar o conhecimento dos funcionários se baseando nas seis metas de segurança do paciente.

Com um ciclo de capacitação que vem ocorrendo desde o inicio do ano de 2016, o núcleo vem se destacando na melhoria do trabalho de todas as equipes multiprofissionais. Essas ações vêm conquistando bons resultados mensalmente no que diz respeito às metas de segurança do paciente.

E para incentivar os resultados positivos, a equipe do Núcleo de Segurança do Paciente realiza premiações aos setores que alcançam o melhor desempenho em relação à segurança. Os resultados são divulgados no mês seguinte às ações realizadas. No mês de fevereiro, tiveram como destaque a Ala D e Ucinca que obtiveram medalha de ouro na Meta 1 (Identificação do paciente), Meta 6 (Risco de queda) e Meta 3 (Medicação Segura), e medalha de bronze na Meta 5 (Higienização das Mãos). Os demais setores da unidade de saúde também tiveram bons desempenhos nas atividades.

As metas de segurança do paciente têm por objetivo promover melhorias especificas e ações que garantam a segurança do paciente na prestação do cuidado, promovendo um ambiente seguro para os pacientes, acompanhantes e também para todos os profissionais da instituição.

De acordo com a coordenadora no Núcleo de Segurança do Paciente da maternidade, a enfermeira Virginia Lopes Cavalcante, a gestão de risco é um recurso valioso para segurança do paciente e necessita ser aplicada sistemicamente e contínua. “As ações devem ser oferecidas continuamente por meio de formações e palestras. Todos os procedimentos, condutas e recursos na avaliação e controle de risco devem ser considerados para não afetar a segurança”, explica a profissional.

Durante toda semana, de 19 a 23 de março, os acadêmicos de Enfermagem estão passando por uma capacitação em Segurança do Paciente, sobre as seis metas de segurança oferecida pelo NSP. O objetivo é capacitar também os profissionais que estão chegando à Evangelina Rosa.

Sobre as Metas de Segurança

As seis metas de segurança do paciente foram estabelecidas pela Joint Commission Internacional (JCI) em parceria com a Organização Mundial de Saúde (OMS). O objetivo é promover melhorias na segurança do paciente em situações consideradas de maior risco. As metas adotadas são: Identificação correta do paciente; comunicação efetiva; segurança dos medicamentos; cirurgia segura; higienização correta da mão; redução do risco de queda e lesão por pressão.

Comentários