Polícia

Mãe que teve filhos mortos pelo companheiro é presa

Joelma Pinto da Costa foi levada para a Penitenciária Feminina em Teresina
Fonte: Redação Piauí Hoje | Editor: Alinny Maria 10/01/2019 09:15
Danilo e Joelma foram presos pela morte das duas crianças Danilo e Joelma foram presos pela morte das duas criançasFoto: Divulgação/Polícia Civil

O juiz da comarca de Canto do Buriti, José Carlos Amorim, deferiu o pedido do Ministério Público que alega omissão de Joelma Pinto da Costa, mãe de duas crianças mortas pelo companheiro em outubro de 2018, em Brejo do Piauí. Joelma foi presa na tarde de terça-feira (8).

O promotor da comarca de Canto do Buriti, José William Luz, considera que Joelma participou omissivamente do crime e poderia ter evitado a morte dos filhos. Durante a audiência o promotor requereu a prisão dela e o juiz deferiu. O mandado de prisão foi cumprido no fórum de Canto do Buriti pela Polícia Civil.

Joelma Pinto da Costa foi levada para a Penitenciária Feminina em Teresina. Ela passará por nova audiência e a Justiça vai decidir se ela deve permanecer presa.

Relembre o caso

Os filhos de Joelma identificados como Maria Vitória Veras dos Santos, de apenas cinco meses, e o irmão, Kaio de Sousa Santos, de 11 anos, foram assassinados pelo companheiro de Joelma, Danilo Veras dos Santos. Danilo era pai de Maria Vitória e tinha um relacionamento de três anos com Joelma.

As crianças foram mortas durante uma discussão do casal. A mãe relatou que o marido trancou ela em um quarto e arremessou a bebê no chão. Ela disse ainda que tentou ajudar a filha e Danilo acabou estrangulando Kaio, que morreu no local.

Já a bebê foi levada para o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano, onde não resistiu e morreu após passar três dias internada. No próprio hospital foi constatado que a criança de cinco meses havia sido abusada sexualmente. O próprio pai praticou os abusos.

Danilo Veras está preso desde a época do crime.

Comentários