Brasil

Mãe é presa após estuprar filho de 4 anos e gravar crime no município de Areia

As imagens foram feitas há um ano, segundo o delegada Simone Rosemberg, a pedido de uma pessoa que ela havia conhecido pela internet
Fonte: Notícias ao Minuto | Editor: Redação 25/07/2018 09:55
Mãe Estupra Filho, e Filma o Crime a Pedido de Namorado Virtual Mãe Estupra Filho, e Filma o Crime a Pedido de Namorado VirtualFoto: Entre Mães e Filhos

Uma mãe foi presa nesta terça-feira (24) depois de ter confessado abusar sexualmente do filho de 4 anos e gravar o crime. O estupro foi cometido no município de Areia, no Agreste da Paraíba. As imagens foram feitas há um ano, segundo o delegada Simone Rosemberg, a pedido de uma pessoa que a suspeita, de 19 anos, havia conhecido pela internet.

“Na verdade, é um relacionamento por mensagem. A investigação vai continuar, a gente vai tentar encontrar essa pessoa, através de outros recursos. Porque ela [a suspeita] não sabe o nome completo dele, não sabe o endereço, não sabe onde mora. Ela só tinha um número de celular que ele trocava constantemente”, afirmou a delegada.

De acordo com informações do G1, a Polícia Civil não descarta a hipótese de o crime ter ligação com uma rede de pedofilia. “Pode não se tratar de um fato isolado. Ela, ao ser interrogada, disse que praticou isso uma única vez a pedido dele, mas isso ainda é muito superficial”, pontuou. Chips e celulares da suspeita serão periciados. A criança realizou o exame de corpo de delito e está com a avó materna.

Como o vídeo chegou à polícia

Graças a uma denúncia, feita nesta terça por uma pessoa que recebeu o vídeo, a delegada teve acesso às imagens. “Disse que conhecia a pessoa que estava no vídeo, que morava aqui na cidade e que a vítima se tratava do próprio filho da pessoa que estava praticando o ato sexual”, relatou a delegada.

Até o momento, ainda não se sabe como o vídeo chegou ao denunciante. “Ela [a jovem] alega que como esse rapaz começou a insistir para que ela produzisse outros vídeos com a criança e ela se negava, ele começou a ameaçá-la, dizendo ‘olha, se você não fizer o vídeo, eu vou jogar o vídeo na internet’, alguma coisa assim. E aí, ela acredita que foi por esse motivo que o vídeo vazou, porque ela disse que só havia encaminhado o vídeo para ele”, frisou.

Comentários

Matérias Relacionadas