Saúde

Lineu Araújo mantém serviço especializado para pessoas com HIV/AIDS

Serviço fornece medicamentos para cerca de 1300 pacientes cadastrados no sistema
Fonte: PMT | Editor: Redação 03/12/2018 13:54
Lineu Araújo Lineu AraújoFoto: Portal O Dia

Os portadores de HIV têm à sua disposição um serviço especializado para tratamento e acompanhamento de sua condição física. É o Serviço de Atendimento Especializado em DST/AIDS (SAE), que funciona no Centro Integrado de Saúde Lineu Araújo, no Centro de Teresina.

O SAE funciona desde 2009 e fornece regularmente medicamentos para cerca de 1300 pacientes devidamente cadastrados no sistema. O atendimento funciona através de livre demanda, quando o paciente descobre sua condição sorológica por meio de exame e busca o Lineu Araújo espontaneamente, ou por encaminhamento pelas Unidades Básicas de Saúde após avaliação da Equipe Estratégia Saúde da Família.

“O tratamento para o HIV é hoje uma realidade, pois melhora a qualidade de vida dos pacientes e traz a perspectiva de uma vida normal, tamanho é o benefício do tratamento e o impacto na vida dos pacientes”, diz o coordenador do SAE, Walfrido Salmito. Ele explica que, com a introdução na terapia de medicamentos mais modernos, mais efetivos e mais toleráveis, a aceitação ao tratamento tem melhorado, e os efeitos colaterais são cada vez menos sentidos pelos pacientes. “Dessa forma temos um serviço de qualidade que funciona bem e serve toda população da cidade”, diz o médico infectologista.

Teresina notificou até o momento 390 novos casos de HIV/AIDS entre os residentes em Teresina. Já é um número menor que o de 2017, que registrou 486 novos casos em Teresinenses.

Comentários