Política

Líder do Governo reage à provocação da oposição

João de Deus considera 'irresponsável' usar comentário de rede social para atacar governador
Fonte: Redação | Editor: Paulo Pincel 05/07/2017 18:30
Líder do Govermo, deputado João de Deus (PT) Líder do Govermo, deputado João de Deus (PT)Foto: Caio Bruno/Alepi

O líder do Governo, deputado João de Deus (PT), reagiu com veemência a acusação, que chamou de “ilação irresponsável”, do líder do oposição na Assembleia Legislativa, deputado Robert Rios (PDT). A reação causou surpresa até no líder oposicionista, que usou o tempo de dois minutos para defender um requerimento de sua autoria, pedido informações sobre a viagem do governador Wellington Dias ao Canadá, entre 14 e 25 de julho deste ano e quem acompanha o chefe do Executivo na missão.

Rios afirmou ter lido numa rede social que Wellington Dias viajaria na companhia da primeira-dama e secretária de Educação, deputada federal Rejane Dias (PT), para o aniversário de uma cunhada, que reide no Canadá.

“Sinceramente, acho que às vezes, muitos colegas aqui, querem cavar espaço na imprensa, através de forçar a barra. O deputado se limita a dá informação que não é verdadeira. “Acho que é importante, que nessa Casa, a gente tenha o devido cuidado, para que a gente não possa cometer uma injustiça, um erro”, lamentou.

João de Deus acrescentou que a maioria dos deputados, todos, governo e oposição são alvos diariamente de comentários nas redes sociais, mas isso não deve ser motivo de um pronunciamento de um parlamentar na tribuna de uma Casa Legislativa, como fez o deputado Robert Rios.

“Acho que Vossa Excelência, como qualquer outro companheiro, tem obrigação de pedir as informações e nós vamos votar a favor da informações. Mas eu vir para a tribuna e dizer que peguei uma informação de rede social e a querer transformar isso em uma manchete de jornal. É no mínimo uma irresponsabilidade. Eu lamento profundamente”, afirmou João de Deus.

Comentários