Geral

Estado terá que pagar R$ 60 mil a mãe de menor acusado de estupro

O adolescente envolvido no crime foi morto dentro da cela no CEM
Fonte: Alinny Maria 20/02/2019 09:32
Gleison Vieira da Silva foi um dos envolvidos no estupro coletivo em Castelo do Piauí Gleison Vieira da Silva foi um dos envolvidos no estupro coletivo em Castelo do PiauíFoto: Divulgação

A Justiça condenou o Estado a pagar indenização à mãe de Gleison Vieira da Silva, de 17 anos, morto dentro do Centro Educacional Masculino (CEM) no dia 16 de julho de 2015. Gleison estava cumprindo medida socioeducativa por ter participado do estupro coletivo contra as quatro meninas em Castelo em Castelo do Piauí.

Segundo a decisão do juiz Leonardo Brasileiro da comarca de Castelo do Piauí, a mãe de Gleison será indenizada no valor de R$ 60 mil por danos morais pela negligência do Estado em garantir a proteção à vida do adolescente.

A sentença ressalta que o Estado é responsável pela garantia de vida de internos e deve indenizar a família de pessoas que perderem a vida dentro de estabelecimentos, mesmo em casos de suicídio.

O magistrado alegou ainda que a mãe já havia comprovado que Gleison estava sofrendo ameaças e o Estado não tomou alguma providência para evitar a morte do adolescente. A vítima chegou a escrever uma carta para a mãe pedindo perdão por ter praticado o crime.

O adolescente estava no mesmo alojamento com os outros três acusados do estupro. Ele foi espancado até a morte pelos colegas. O motivo da morte teria sido vingança já que Gleison entregou os envolvidos à polícia. Os adolescentes passaram três anos apreendidos no CEM e foram soltos no ano passado.

Comentários