Saúde

HUT inicia projeto com foco na redução da superlotação

Projeto Lean é implementado por equipe técnica do Hospital Sírio-Libanês
Fonte: PMT | Editor: Redação 12/11/2018 10:01
HUT HUTFoto: Reprodução/Google

O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) foi selecionado para participar do projeto “Lean nas Emergências” do Ministério da Saúde. Implementado por meio do Hospital Sírio-Libanês, ele tem como foco a redução da superlotação de hospitais de urgência e emergência públicos e filantrópicos.

Para iniciar a implantação do projeto, o HUT recebeu a visita de técnicos do Hospital Sírio-Libanês, instituição responsável pelo projeto. O Lean nas Emergências faz parte do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS) para o triênio de 2018 a 2020.

O consultor do Sírio-Libanês, Alisson Verissimo, afirmou que o HUT possui os critérios de elegibilidade estabelecidos pelo projeto e que nessa primeira etapa a equipe realiza o levantamento dos dados necessários. “Depois que fazemos a coleta de dados para o Diagnóstico de Desempenho Operacional definimos a equipe que irá trabalhar na intervenção. Iniciamos com a capacitação das equipes e identificação de oportunidades para que possamos iniciar ações de melhoria, de acordo com a metodologia Lean”, explicou.

O termo Lean significa “enxuto”. O nome do projeto origina-se de uma filosofia de gestão inspirada em práticas e resultados do Sistema Toyota para administrar a produção industrial e trabalha para melhorar processos com base no tempo, assegurando fluxos contínuos e eliminando desperdícios e atividades de baixo valor agregado, agora adaptada à prática hospitalar.

Durante a visita, o diretor geral do HUT, Gilberto Albuquerque, destacou a importância da participação do Hospital nesse projeto. “É mais uma oportunidade de aplicar novas ferramentas que podem ajudar nossa equipe a minimizar a superlotação do nosso HUT. Somos o maior hospital de urgência e emergência do estado e precisamos estar sempre conhecendo novas metodologias e ferramentas que possam nos ajudar a melhorar cada vez mais”, ressaltou o diretor.

Atualmente, o HUT possui 420 leitos, sendo 386 de internação e 52 de observação. Por mês, o hospital realiza cerca de 4.800 atendimentos e 1.200 cirurgias. Quase 60% das cirurgias realizadas são ortopédicas, sendo que mais de 80% são pacientes vítimas de trauma.

Comentários

Matérias Relacionadas