Polícia

Homem que incendiou morador de rua já foi preso por bater em namorada

O suspeito foi detido após ser indiciado por tentativa de homicídio
Fonte: Noticias ao minuto | Editor: Redação 19/12/2018 08:20
Foto FotoFoto: Reprodução

O motociclista Franciel Santos Silva, de 27 anos, que ateou fogo em um morador de rua em Santos, no litoral de São Paulo, já havia sido preso anteriormente por agredir a namorada, informou a Polícia Civil ao site G1 na quarta-feira(18).

O suspeito foi detido após ser indiciado por tentativa de homicídio. A vítima teve 25 do corpo queimado.

Entenda o caso:

Um morador de rua sofreu queimaduras de segundo grau após um homem atear fogo ao seu corpo, na madrugada na terça-feira (18), no bairro do Embaré, cidade de Santos (SP).

A vítima, de 56 anos, foi socorrida e está internada na Santa Casa do município.

Segundo os investigadores, o homem cometeu o crime por suspeitar que o morador de rua teria roubado o seu celular. A vítima nega.

Uma testemunha também filmou o momento e as imagens foram parar na internet. Segundo contou, ela estava dormindo quando escutou uma gritaria e foi até a janela de seu apartamento.

Relatou, ainda, que o agressor desferiu diversas pancadas na vítima com um capacete, exigindo a devolução do aparelho. Depois, deixou o local, mas voltou após cerca de 20 minutos, dessa vez com um recipiente com gasolina. Foi quando ateou fogo ao morador de rua.

Comentários

Apoio: