Brasil

Homem que agrediu paisagista está internado em hospital psiquiátrico

Acusado de tentativa de feminicídio deve realizar exame de sanidade mental
Fonte: Extra | Editor: Redação 22/02/2019 08:36
Vinícius Batista Serra e Elaine Caparroz Vinícius Batista Serra e Elaine CaparrozFoto: Reprodução / Internet

O estudante de Direito Vinícius Batista Serra, 27 anos, acusado de agredir a paisagista Elaine Peres Caparroz, de 55, está desde a última quarta-feira num hospital penitenciário do Rio, para a realização de exames de sanidade mental. Segundo destaca o jornal Extra, a análise deverá determinar se o acusado tem problemas mentais e se tinha condições de ter noção de seus atos durante o espancamento. O resultado do exame ainda não foi divulgado.

Após ter sido preso, Vinícius alegou à polícia que teve um surto psicótico após tomar vinho e dormir na casa de Elaine. No último dia 18, durante audiência de custódia, realizada na Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, a defesa de Vinicius apresentou declarações médicas de 2016. O advogado alega que Vinícius tem problemas mentais.

No entanto, como destaca o Extra, o juiz Alex Quaresma Ravache afirmou que os documentos não eram “suficientes para atestar a inimputabilidade ou semi-imputabilidade do custodiado”. Vinícius teve a prisão preventiva decretada e o juiz determinou que ele passe por uma avaliação psiquiátrica.

A juíza Cintia Souto Machado de Andrade Guedes, do 7º Juizado da Violência Doméstica, na Barra, determinou que o caso tramite num dos tribunais do júri da capital, já que Vinicius deverá ser indiciado por tentativa de feminicídio — os crimes dolosos contra a vida são julgados pelo júri popular.

Comentários

Apoio: