Cidade

HGV realiza grande mutirão de ortopedia nesta sábado

A meta é beneficiar 40 pacientes do Ambulatório e da urgência.
Fonte: Governo do Estado | Editor: Redação 28/10/2016 13:10 - Atualizado em 17/11/2016 21:54
Mutirão ortopédico no HGV Mutirão ortopédico no HGVFoto: Divulgação

O Hospital Getúlio Vargas (HGV) promove, neste sábado (29), um grande mutirão ortopédico. A meta é beneficiar 40 pacientes do Ambulatório e da urgência. Essa será a 46ª ação realizada pelo hospital em pouco mais de um ano e faz parte dos esforços da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) e direção do Hospital para reduzir o tempo de espera da fila por cirurgias. O HGV realiza uma média de 1.100 procedimentos por mês; número que ganha reforço com os mutirões. Neste feriado do Servidor Público, também estão sendo realizados cinco procedimentos no Serviço de Hemodinâmica.

Segundo Clara Leal, diretora do HGV, a proposta é que nenhum paciente fique esperando muito tempo por um procedimento no HGV. "Os mutirões têm contribuído para reduzir o tempo de espera das pessoas que aguardam por cirurgia, principalmente, nas especialidades de maior demanda, como é o caso da ortopedia. No total, cerca de 1.200 pacientes já foram atendidos nas áreas de ortopedia, urologia, ginecologia, neurocirurgia, otorrinolaringologia, oftalmologia, cirurgia geral e plástica.

``Atualmente, a média de espera para pacientes da regulação tem sido de 15 a 20 dias e de até 60 dias para pacientes eletivos. Os números demonstram que esses procedimentos, aos sábados e feriados, têm sido essenciais para diminuir o período de espera das pessoas que aguardam por procedimentos. Nosso objetivo é que esse tempo seja ainda menor``, destaca a diretora.

O agricultor Antônio Abreu, 55 anos, da cidade de Castelo do Piauí, chegou cedo ao hospital nesta sexta-feira (28) para ser internado, onde passará por uma cirurgia no joelho direito. Acompanhado da esposa, a dona de casa Maria Almeida, seu Antônio estava confiante e feliz. ``Eu esperava ser operado somente no fim do mês de novembro. Achei muito bom ser chamado para esse mutirão. O que mais quero é me livrar logo dessas muletas``, disse seu Antônio.

Participam do Mutirão, os cirurgiões ortopédicos Wilson Rodrigues, Francisco das Chagas, Neomar Soares, José Sampaio, Glauson Nascimento, Joel Campos e Themístocles Ramos Neto.

Comentários

Matérias Relacionadas