Cultura

Governador participa de evento sobre Torquato Neto

Wellington Dias anunciou que está sendo elaborado projeto da Casa Torquato Neto
Fonte: CCOM | Editor: Da Redação 21/10/2017 18:48
abertura da Balada Literária em Teresina abertura da Balada Literária em TeresinaFoto: CCOM

O governador Wellington Dias prestigiou, na noite de sexta-feira (20), a abertura da Balada Literária em Teresina, que acontece até este sábado (21), no Complexo Cultural da Praça Pedro II. O evento homenageia o artista piauiense Torquato Neto e tem o apoio do Governo do Estado do Piauí, por meio da Secretaria de Cultura do Estado do Piauí (Secult).

A Balada piauiense é semelhante à que já acontece em São Paulo, que este ano será realizada de 8 a 12 de novembro, e também em Salvador (BA), de 3 a 5 de Novembro. De acordo com escritor, criador e curador do evento, Marcelino Freire, descentralizar a Balada Literária era uma ideia antiga e que encontrou o apoio necessário pra romper as barreiras. Para ele, assim como nos anos anteriores, o projeto recebe o apoio de diversos artistas, pintores, escritores. “Precisamos redescobrir Torquato e dar a ele o destaque merecido, e a Balada Literária vem cumprir um pouco desse papel de homenagear esse grande artista, que continua vivo e atual em sua obra. Viva a Torquato Neto”, disse.

A Balada Literária conta com a Exposição Torquato’s com fotos exclusivas do filme perdido do artista, além de revelar multifacetas de sua obra. A exposição tem curadoria de George Mendes, primo de Torquato e o apoio do filho Thiago Nunes. O evento conta ainda com debates, saraus e shows de Jards Macalé, um dos principais parceiros de Torquato, e participação de Patricia Mellodi, Nelson Maca e Ermerson Boy. Alguns artistas locais, como Thiago E, Demétrios Galvão, Wellington Soares e Lucas Rolim, tanto participarão da festa em Teresina como da de São Paulo. O criador do evento define o projeto como “uma geleia geral”, parafraseado Torquato Neto.

Wellington Dias revelou que um projeto está sendo montado em parceira com Secult e a Prefeitura de Teresina para que seja criada a “Casa Torquato”, um espaço de arte e cultura que homenageará o artista e sua obra. “Vamos colocar no espaço que ele merece. Torquato Neto talvez seja o artista piauiense mais conhecido fora das fronteiras do Piauí e do Brasil, pela diversidade de sua obra, apesar do pouco tempo de vida. É alguém que se integrou aos principais movimentos sociais, sempre presente nas lutas da juventude de sua época, nas lutas em favor da arte, da música e está é uma justa homenagem. Aproveito para parabenizar toda a equipe envolvida no Projeto Balada Literária”, destacou.

Para o professor Wellington Soares, um dos organizadores do evento no Piauí, este é o ano de Torquato Neto e o poeta tem sido colocado em evidência nos principais jornais do Brasil. “Precisamos continuar alimentando essa influência, mesmo depois de 45 anos de sua morte, para não deixar morrer a sua obra. Temos também que nos apropriar do que é nosso. Torquato muitas vezes é mais visto como baiano, apesar desta imagem estar sendo desfeita. Outro poeta que precisamos colocar como referência paro o nosso Estado é Mario Faustino, um poeta que é Piauiense mas que é referência no Pará. O Piauí tem nomes muito fortes e que são referências para o Brasil, a exemplo de H. Dobal, Assis Brasil, Da Costa e Silva e tantos outros que precisamos torná-los cada vez mais conhecidos e reconhecidos”, disse .

Comentários