Cidade

Feriado: Serviços de saúde essenciais permanecem em funcionamento

Os hospitais e as maternidades do município estarão funcionando normalmente para internações
Fonte: Prefeitura de Teresina | Editor: Redação 07/12/2017 12:25
Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMU Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMUFoto: Reprodução

Amanhã (08) é feriado em Teresina em homenagem a Nossa Senhora da Conceição. A saúde municipal no entanto não para, e mantém em pleno funcionamento o atendimento de urgência e emergência dos hospitais municipais, bem como os serviços considerados indispensáveis à população da capital.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) funcionará em escala de plantão. Com três médicos reguladores durante o dia e dois durante a noite. São três ambulâncias de suporte avançado disponíveis, oito de suporte básico e duas motolâncias para atender as demandas no feriado.

Tanto os hospitais como as maternidades do município estarão funcionando normalmente para internações. Das 7 às 19h, estarão funcionando em regime de plantão setores como exame laboratoriais e vacina. O Hospital de Urgência de Teresina também funcionará normalmente durante o feriado.

As equipes da Vigilância Epidemiológica estarão de plantão, como em todos os fins de semana e feriados, realizando a busca ativa doenças de notificação compulsória de interesse da saúde pública em hospitais públicos, filantrópicos e particulares. Já o Centro de Zoonoses estará de plantão para recolhimentos de animais e atendimentos clínicos. Além de também estarem realizando exames de leishmaniose visceral (LV) e vacinação de animais de 8h às 17h.

Os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) do tipo II e AD estarão fechados, mas os serviços de saúde mental que disponibilizam pernoite – como o CAPS tipo III e a Residência Terapêutica - estarão funcionando normalmente. Estarão fechados ainda os serviços que não se caracterizam como urgência, como o Centro Integrado de Saúde Lineu Araújo, as Unidades Básicas de Saúde (UBS), salas de vacina e a parte ambulatorial dos hospitais (marcação de consultas e exames), que retornam às atividades normais na segunda-feira, dia 11.

Comentários

Matérias Relacionadas