Mundo

Estado Islâmico ainda tem milhares de combatentes afirma EUA

Grupo extremista ainda 'controla milhares de combatentes no Iraque e na Síria'.
Fonte: France Presse | Editor: Redação 29/01/2019 13:37
Estado Islâmico Estado IslâmicoFoto: G1 - Globo.com

O grupo extremista Estado Islâmico (EI) ainda possui "milhares" de combatentes no Iraque e na Síria, capazes de representar uma ameaça para o Oriente Médio e outras partes, afirmou nesta terça-feira (29) o diretor de inteligência nacional dos Estados Unidos, Dan Coats.

O grupo extremista ainda "controla milhares de combatentes no Iraque e na Síria", indicou Coats em um relatório enviado ao Congresso. O grupo "mantém oito facções, mais de uma dezena de redes e milhares de partidários dispersados em todo o mundo, apesar das perdas significativas em termos de líderes e territórios", apontou.

Retirada das tropas da Síria

Em dezembro, o presidente americano, Donald Trump, anunciou a retirada das tropas da Síria, alegando que o Estado Islâmico tinha sido vencido. "Nós derrotamos o Estado Islâmico na Síria, minha única razão para estarmos ali no governo Trump", afirmou no Twitter.

No início da janeiro, a coalizão internacional antijihadista dirigida pelos Estados Unidos anunciou o início da retirada das tropas da Síria, onde auxiliavam na guerra contra o grupo extremista. Dias depois, uma explosão reivindicada pelo grupo terrorista perto de uma patrulha da coalizão deixou mortos, entre eles, quatro norte-americanos.

Comentários

Matérias Relacionadas