Educação

Escolas públicas do estado receberão melhorias no início do ano

Serão destinados recursos para pequenas reformas e adequações para melhor receber os alunos.
Fonte: Seduc | Editor: Redação 16/01/2018 08:16
Sala de aula Sala de aulaFoto: Reprodução

Todos os avanços tecnológicos e de métodos de ensino seriam ineficazes se a rotina escolar não fosse respeitada por quem faz a educação. A manutenção física das escolas é fator preponderante para que essa rotina se mantenha de forma adequada e ininterrupta. Pensando nisso, todas as escolas da rede pública estadual receberão, no início do período letivo de 2018, recursos da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) para promoverem pequenas reformas e adequações para melhor receber os alunos.

O gerente de Engenharia da Seduc, Alex Fabiano, explica que, pelo segundo ano consecutivo, a Seduc fará um repasse extra do Pactue, programa da secretaria para manutenção das escolas, repassado mensalmente. “A secretária Rejane Dias solicitou à Engenharia e à Unidade de Gestão e Inspeção da Seduc que trabalhassem juntas para garantir uma melhor estrutura às escolas da rede no início do período letivo. Em 2017, fizemos esse repasse que as escolas já utilizaram e prestaram contas. Em 2018, elas receberão esse extra até o início de março”, relata o gerente.

Os gestores escolares poderão utilizar o recurso de R$ 3.400 por escola para necessidades imediatas como pintura, manutenção da rede elétrica e hidráulica, retelhamento, limpeza e outras intervenções. Os conselhos escolares acompanharão a utilização do recurso. A Seduc também disponibilizará uma equipe de engenheiros para prestar apoio técnico às escolas que necessitarem.

“Como em 2017, equipes de engenheiros visitarão todas as escolas do Estado realizando vistorias de segurança física e estrutura predial. Quando são detectadas necessidades que requerem maior volume de recursos financeiros, a Seduc realiza licitação para obras de reforma imediatamente’, explica Alex Fabiano.

A secretária da Educação, Rejane Dias, destaca que um aspecto importante desses investimentos é a redução da evasão escolar que é observada quando o aluno encontra um ambiente bem organizado, com boa alimentação e uma boa estrutura. “Essas condições, aliadas a um bom trabalho na gestão escolar, têm produzido bons resultados na rede pública estadual”, observa a gestora.

Seduc investe na educação pública do Piauí

O Governo do Piauí, por meio da Seduc, vem realizando grandes investimentos que melhoram a educação pública do estado. A expectativa é que, em 2018, mais 100 obras sejam executadas na área, com investimentos na ordem de 45 milhões de reais. No ano de 2017, foram realizadas 75 obras entre reformas e ampliações de escolas e quadras. Um investimento de 40 milhões de reais.

Comentários