Política

Empresa que maltratar animais vai perder a inscrição estadual, garante deputada

Teresa Britto disse que os animais não falam, não votam, mas merecem ser bem cuidados.
Fonte: Paulo Pincel 13/02/2019 14:15
Deputada estadual Teresa Britto (PV) Deputada estadual Teresa Britto (PV)Foto: Paulo Pincel

A empresa que permitir ou maltratar a animais domésticos, nativos, sivestres ou exóticos, perderá a inscrição estadual por dez anos. A proposição é da deputada estadual Teresa Britto (PV), ao citar a morte da cadela Manchinha, assassinada por seguranças de uma grande loja em São Paulo. Teresa Britto disse que os animais não falam, não votam, mas merecem ser bem cuidados.

Teresa Brito citou a reportagem do Fantástico (TV Globo), sobre o comércio clandestino de cães reproduzidos em canis com a única finalidade da venda dos filhotes.

“Sou apaixonada pelos animais, uma defensora incansável dos animais, tanto que tenho 14 em casa. Enfrentei na Câmara Municipal de Teresina o debate com os 29 vereadores. Eu enfrentei, fiz a defesa deles. Foi assim contra a vaquejada, contra as carroças. Vamos continuar essa luta aqui na Assembleia, para que o Piauí seja um estado que humanize, que dê amor e proteção aos animais”, prometeu a deputada.

Comentários