Política Nacional

Edson Fachin envia recurso que pode tornar Lula elegível

Ainda não há data para que o recurso seja analisado pelo plenário virtual, modalidade de julgamento em que os ministros do STF votam remotamente
Fonte: Exame | Editor: Redação 11/09/2018 12:40
Ministro do STF, Edson Fachin Ministro do STF, Edson FachinFoto: Reprodução

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), enviou na manhã desta terça-feira para julgamento no plenário virtual um recurso da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) que pretende suspender os efeitos da condenação em segundo grau no processo do tríplex do Guarujá (SP), pedido esse que, se aceito, poderia garantir ao petista condição de concorrer ao Palácio do Planalto e livrá-lo da prisão.

Ainda não há data para que o recurso seja analisado pelo plenário virtual do Supremo, modalidade de julgamento em que os ministros do STF votam remotamente. Assim que o julgamento for iniciado, os ministros têm 7 dias para darem seus votos. Na semana passada, Fachin rejeitou pedido de liminar apresentado pela defesa do ex-presidente para suspender efeitos da condenação no processo do tríplex, que também poderia dar ao petista condição de concorrer ao Palácio do Planalto. Lula, que está preso desde abril, foi barrado de concorrer pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com base na Lei da Ficha Limpa.

Comentários

Matérias Relacionadas