Saúde

Dor de garganta pode ser um dos sintomas do refluxo

Entre os sintomas clássicos do refluxo estão o arroto, queimação na garganta e estômago, azia, má digestão, sensação de empachamento e dor de estômago.
Fonte: Bem Estar | Editor: Redação 29/08/2018 12:44
Refluxo RefluxoFoto: Multivida

Comer mal, pular refeições, jantar tarde e dormir em seguida. São maus hábitos que atrapalham muito a digestão. Mas o que nem todo mundo sabe é que um dos sintomas do refluxo pode ser a dor de garganta.

“Desde a faculdade, tive episódios de esofagite e refluxo. De sentir queimar desde a garganta até o estômago. Tive três ou quatro episódios. Em novembro do ano passado tive um pior, com sensação de carvão na garganta, com alteração de voz”. Quem conta a experiência é o cirurgião do aparelho digestivo Albino Augusto Sordello.

Tosse seca e rouquidão podem ser sintomas de refluxo

Os sintomas eram de queimaduras na laringe e nas cordas vocais, provocadas por um refluxo atípico, conhecido como laringofaríngeo. “Nosso estômago é uma caldeira que dissolve os alimentos. Esse estômago tem ácidos, sais biliares que funcionam como soda cáustica, tem enzimas que digerem os alimentos, mas ao invés delas ficarem no estômago, elas sobem e chegam até a garganta”, explica a otorrinolaringologista Cláudia Alessandra Eckley.

Muitas vezes, essas substâncias vão para a garganta por causa de maus hábitos. Isso tudo irrita e desorganiza o funcionamento do estômago.

A certeza de que os sintomas na garganta eram refluxo de um problema no estômago veio depois que Albino fez alguns exames. Um deles foi a laringoscopia, que permite ver o estrago que os ácidos do estômago fazem na laringe. Com o resultado, Albino precisou de remédios e fez mudanças radicais na rotina. “Me afastei do café, dos temperos mais fortes, álcool. Passei a fazer refeições mais cedo”.

Refluxo: como tratar?

O refluxo é a volta do conteúdo estomacal ao esôfago. Alguns alimentos ou hábitos alimentares podem favorecer esse processo. Entre os sintomas clássicos estão o arroto, queimação na garganta e estômago, azia, má digestão, sensação de empachamento e dor de estômago.

Obesidade, gravidez, tendência genética, alimentos muito gordurosos, comer e dormir logo em seguida, café, cigarro, abuso de álcool podem favorecer o refluxo. Omeprazol, antiácido, sal de frutas, procinético e alginato são medicamentos que podem ajudar quem tem refluxo.

O tratamento do refluxo é feito com mudança de hábito alimentar, remédios e, às vezes, cirurgia. É importante evitar alimentos muito condimentados, frituras, gorduras, alimentos muito ácidos e bebidas gaseificadas. Coma sempre pelo menos duas horas antes de deitar e evite a ingestão de líquidos antes das refeições para não distender o estômago.

Comentários