Cidade

Doença psicossomática será discutida em evento nesta quinta (31)

Fonte: Da Redação 29/08/2017 12:51
Analine Soares Analine SoaresFoto: Divulgação

Hoje em dia, às vezes ouvimos falar de alguém que foi ao médico e ouviu dele que a sua doença era de fundo emocional ou que o que o paciente estava sentindo era um sintoma nervoso, de estresse, ansiedade. Todas estas causas (fundo emocional, nervoso, etc) significam o mesmo: a origem do sintoma não é orgânica, não está no físico, no corpo. É, portanto, uma doença psicossomática.

Percebendo a crescente desse quadro de doenças psicossomáticas e, levando consideração a importância de se compreender a integração entre os aspectos médicos e psicológicos, ou seja, entre questões do corpo e do psíquico, é que o evento do “Eu Social” do mês de agosto contará com diálogo sobre “A Doença como símbolo: abordagem psicossomática do adoecimento”. A conversa será com a psicóloga, com pós-graduação em Avaliação Psicológica, Analine Soares.

O evento ocorrerá nesta quinta-feira próxima, dia 31 de agosto de 2017, às 19h na Cocobis – tapiocaria e café, localizada na Rua Heli Castelo Branco, 1222, Morada do Sol (final da Avenida Dom Severino ao lado do Girassol Center), Teresina-PI.

O autoconhecimento, à importância de sabe sobre a integração mente e corpo, pode proporcionar ao cidadão uma melhor qualidade de vida. Por isso, não percam essa oportunidade e assistam a palestra.

De acordo com a psicóloga Analine Soares “os distúrbios emocionais como ansiedades, estresse, raiva, medo e outros, são capazes de interferir no metabolismo causando o surgimento de doenças. Uma pessoa com doença psicossomática tem queixas físicas como dor, diarreia, gastrites e outras, que não são explicadas somente por orgânicas quando as investigações ou análises médicas são normais ou não diagnosticam nenhuma doença física. Tanto a saúde quanto a doença são observadas como imagens simbólicas. Qualquer que seja a doença poderá ser vista como um símbolo que mostra uma disfunção. A compreensão dos sentidos desse símbolo ao tornarem-se conscientes, ajudará na melhora do quadro geral de saúde do paciente”.

Toda sociedade está convidada a participar, é gratuito e com direito a certificado. Para garantir sua vaga basta entrar em contato com os organizadores através do telefone (86) 98166-0606.

Comentários