Geral

Diretores da Fetag se reúnem com gerente do INSS para cobrar agilidade na emissão de benefícios

A FETAG destacou que é preciso ampliar a quantidade de médicos peritos para atender à demanda
Fonte: Assessoria do INSS | Editor: Luiz Brandão 03/10/2017 17:37
Ney Ferraz, do INSS, com diretrores da Fetag Ney Ferraz, do INSS, com diretrores da FetagFoto: Sandro Alves

Representantes da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores do Piauí participaram, nesta terça-feira (03), de uma audiência com o gerente executivo, Ney Ferraz Júnior. O encontro foi para falar sobre o atendimento das agências da Previdência Social, em especial, as do interior do Estado.

O agendamento de auxílio-doença foi o principal foco da conversa. A FETAG destacou que é preciso ampliar a quantidade de médicos peritos para atender à demanda. A presidente da FETAG-PI, Elisângela Moura, colocou em pauta a disponibilidade dos agendamentos nas agências. “Em algumas cidades, como Cristino Castro, tem agendamento que está caindo para o próximo ano. Muitos trabalhadores do campo não podem esperar tanto tempo para terem o seu direito reconhecido”, disse ela.

O gerente executivo, Ney Ferraz, ressaltou que providências já estão sendo tomadas. “Enquanto não é realizado concurso para novos servidores, buscamos alternativas. Uma delas é a contratação temporária de médicos credenciados, como conseguimos recentemente”, explicou Ney.

Além da presidente da FETAG, Elisângela Moura, também participaram da audiência com o gerente executivo a vice-presidente do órgão, Lucilene de Sousa, e Simão Oliveira, assessor da federação.

Comentários