Municípios

Diretora de creche é exonerada após dizer que rouba merenda

No áudio, Doralice relata ter desviado merenda da creche para parentes e amigos
Fonte: Facebook/Francisco Barbosa II - N10 | Editor: Alinny Maria 28/02/2019 09:37
Merenda escolar Merenda escolarFoto: Noticias ao Minuto/© DR

Um áudio polêmico vazado no WhatsApp resultou na exoneração da diretora de uma creche no município de Porto, na região Norte do Piauí. A professora Doralice Gomes Lima ocupava o cargo de comissão e foi exonerada após dizer no áudio que rouba a merenda escolar das crianças.

No áudio, Doralice relata ter desviado merenda da creche para parentes e amigos. O conteúdo deve ser encaminhado ao Ministério Público (MP-PI) para que o caso seja apurado.

No áudio Doralice conversa com uma mulher chamada de ‘Loirinha’ e mostra a insatisfação com uma pessoa chamada Teresa, que estaria espalhando que Doralice rouba a merenda da escola. Loirinha e Teresa seriam funcionárias da creche. Veja trechos:

“[...] quando foi agora a Teresa dizer que eu roubei cinco pacotes de sabão em pó da escola, que eu roubo merenda da escola para levar pro Brejo, para levar para a minha casa, mas o que a Teresa se esquece ‘Loirinha’, é que eu cansei também de roubar para dar para a Isabel, irmã dela, para sua casa, você sabe disso! Era frango, carne moída, é macarrão, é nescau, é biscoito, é leite! Sempre fiz isso com todas e inclusive com a Teresa, você sabe disso”, diz Doralice no áudio.

O áudio circulou em vários grupos de WhatsApp na região e chegou até o prefeito do município, Dó Bacelar (Progressista). Na tarde de ontem (27), foi publicado a portaria com a exoneração da professora Doralice Gomes Lima do cargo em comissão de diretora da Creche Municipal Tia Fátima do povoado Titaras, na zona rural de Porto Piauí.

Comentários