Geral

Delegado pode ser afastado após algemar advogada no Piauí

A Corregedoria da Polícia Civil recomendou o afastamento do delegado
Fonte: Com informações da SSP e Sindepol | Editor: Alinny Maria 10/05/2019 09:48
Fábio Bhering Fábio BheringFoto: Arquivo pessoal

O delegado Fábio Bhering, titular da Delegacia de Polícia Civil de Luzilândia, Norte do Piauí, foi denunciado por abuso de autoridade após algemar uma advogada. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP), o delegado foi denunciado por alguns advogados e a Corregedoria da Polícia Civil instaurou um procedimento administrativo, recomendando o afastamento de Fábio Bhering para não atrapalhar as investigações.

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, entrou no caso para resguardar o trabalho dos profissionais. De acordo com as denuncias dos profissionais, entre os atos praticados pelo delegado estão a expulsão de uma advogada da delegacia e outra que chegou a ser algemada.

O Sindicato dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Piauí disse que o delegado Fábio Bhering continua como titular da Delegacia de Luzilândia e que ele continuará exercendo suas funções.

Nota do Sindicato dos Delegados:

  • O Sindicato dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Piauí informa que o Delegado Fábio Bherisng continua como titular da Delegacia de Luzilândia e que as informações divulgadas sobre a prisão do dele são Fake News. A sociedade piauiense, em especial de Luzilândia, pode ficar tranquila que o Delegado Fabio continuará exercendo suas funções e prendendo os verdadeiros criminosos.
  • Em relação ao procedimento administrativo, o SINDEPOL informa que é dever da Corregedoria de Polícia apurar os fatos e lembra que, inclusive, o atual Corregedor de Polícia, Emir Maia, recentemente respondeu a procedimento administrativo por ABUSO DE AUTORIDADE no qual foi absolvido, e sabe que ninguém pode ser condenado sem o devido processo legal.

Comentários