Geral

Delegada investiga 'vaquinha' de vizinhos para corte de árvores no Saci

O contador Charles Ramos Menezes confessou que mandou cortar as árvores da praça
Fonte: Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente | Editor: Alinny Maria 21/02/2019 09:27
Polícia investiga corte de árvores em praça no bairro Saci Polícia investiga corte de árvores em praça no bairro SaciFoto: Facebook/Luciana Alves

O desmatamento na Praça do Saci, na zona Sul de Teresina, está cada vez mais polêmico. O assunto gerou grande repercussão após os moradores se depararem com todas as árvores da praça cortadas no tronco e logo causou revolta. A Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente começou as investigações e identificou o contador Charles Ramos Menezes como o responsável por dá a ordem para cortar as árvores. Portanto, a delegada Edenilza Viana afirmou que os vizinhos também colaboram com a ‘vaquinha’ para pagar o jardineiro que realizou o corte.

Segundo a delegada responsável pelas investigações, os vizinhos que contribuíram com o dinheiro ainda não foram identificados. "Quando conseguirmos identificá-los, eles também serão indiciados", disse a delegada Edenilza Viana.

O jardineiro que realizou o corte já prestou depoimento e disse que foi contratado por Charles para fazer o serviço e disse que aceitou por dinheiro. O ajudante do jardineiro também será intimado.

Ainda conforme a delegada, o jardineiro disse em depoimento que foi contratado para podar, mas o contratante ressaltava que era para cortar mais para que não fizesse sombra e ninguém pudesse habitar no local. Edenilza Viana disse ainda que o jardineiro demonstrou arrependimento.

As investigações continuam e todos os envolvidos no corte ilegal das árvores devem ser autuados em crimes ambientais, podendo serem punidos na área cível, criminal e administrativa.

Comentários

Apoio: