Polícia

Delegacia de Homicídios identifica assassinos de Palhaço

Alex e Daniel mataram Nilberto Lima e Silva no sábado (17) por vingança
Fonte: DH | Editor: Paulo Pincel 20/02/2018 08:46
O homem morreu sentado no Bar da Ceiça, no Promorar O homem morreu sentado no Bar da Ceiça, no PromorarFoto: WhatsApp

Policiais da Delegacia de Homicídios, chefiados pelo delegado Danúbio Dias, estão em campo para prender os suspeitos da morte de executar Nilberto Lima e Silva, o "Palhaço", de 35 anos, executado com um tiro na nuca, na manhnã de sábado, no Bar da Ceiça, na Avenida Transversal I, no bairro Promorar, zona Sul de Teresina. Alex, Daniel – os sobrenomes não foram revelados - e um terceiro indivíduo, que pilotava a moto e levou os assassinos até o bar, estão sendo procurados e podem ser presos a qualquer momento.

O delegado Francisco Costa, o Barêtta, coordenador da DH, revelou que o assassinato foi por vingança. “A vítima teve um desentendimento com o um indivíduo em um trailer no Bela Vista. De lá, ele [Nilberto] pegou a moto e foi até o bar da Ceiça, no Promorar, pediu uma cerveja e tomou com o primo dele. Ali mesmo ele dormiu. Depois, chegaram três homens em uma moto, dois descem e o outro fica lá. O Alex foi até o bar, pediu um copo de cerveja e ficou próximo à vítima. O Daniel ficou na porta, olhando se tinha movimento de polícia e depois encostou na vítima, sacou a arma e atirou na nuca”, detalhou o delegado.

Os executores fugiram a pé. “Em menos de 24 horas a Delegacia de Homicídios elucidou esse crime”, ressaltou Barêtta.

Comentários