Ciência & Tecnologia

Criptografia: Novo roteador promete deixar Wi-Fi mais seguro

Sistema vai substituir WPA2, a fim de criptografar e proteger as redes
Fonte: Noticias ao Minuto | Editor: Redação 10/01/2018 10:34
Wi-Fi Wi-FiFoto: Pixabay

Por meio de um consórcio batizado como Wi-Fi Alliance, gigantes da tecnologia - a exemplo da Apple, Microsoft, Intel, Dell, Samsung, Sony e Qualcomm - assinaram um novo protocolo de segurança WPA3, com o objetivo de oferecer acesso mais seguro às redes sem fio.

De acordo com o site Olhar Digital, o novo sistema vai substituir WPA2, a fim de criptografar e proteger as redes. Criado há mais de dez anos, o WPA2 também foi desenvolvido para substituir o seu antecessor, a tecnologia WEP, considerada defasada em relação aos quesitos de segurança exigidos nas operações atuais.

Agora, a substituição do WPA2 pelo novo WPA3 também se mostraria necessária pelo fato do primeiro não proteger o tráfego de dados em redes Wi-Fi públicas. Na prática, se duas pessoas se conectassem à mesma rede, uma poderia interceptar o tráfego da outra, abrindo espaço para ataques cibernéticos e roubos de informações sensíveis.

Mais criptografia

A grande aposta das empresas associadas Wi-Fi Alliance é a criptografia dos dados de forma individualizada. Através do WPA3, todos os aparelhos conectados à mesma rede poderão se manter isolados, impedindo a interceptação de informações dos usuários.

Outro reforço na proteção se volta contra ataques de força bruta à base do dicionário, aquele golpe em que o cibercriminoso testa várias combinações de senha até encontrar uma que valide o seu acesso a redes. Após determinadas tentativas de adivinhar uma senha, a tecnologia bloqueará os dispositivos.

O Olhar Digital destaca que uma falha revelada ano passado no WPA2, chamada de KRACK, deixou vulneráveis todos os aparelhos compatíveis com conexões Wi-Fi. O susto fez com os fabricantes de eletrônicos e desenvolvedores de sistemas operacionais corressem contra o relógio para colocar no mercado atualizações de emergência para seus usuários. Os aparelhos lançados ao longo desse ano já devem funcionar com o sistema WPA3.

Comentários