Mundo

Crimeia: Número de mortos por atirador em escola sobe para 21

Feridos são 43; autor do ataque pode ter tido cúmplices
Fonte: ANSA | Editor: Redação 18/10/2018 11:02
Estudante mata 21 alunos em escola Estudante mata 21 alunos em escolaFoto: Correio da Manhã

Subiu para 21 mortos e 43 feridos o balanço de vítimas no ataque a tiros ocorrido ontem (17) na Crimeia, península que pertencia à Ucrânia e foi anexada pela Rússia. Um estudante do Instituto Politécnico de Kerch foi apontado como o autor do tiroteio. Ele se suicidou após o massacre e foi identificado como Vladislav Roslyakov, de 18 anos, que pode ter contado com ajuda de cúmplices para planejar o ataque.

O balanço foi atualizado pelas autoridades da Crimeia, citadas pela agência de notícias Tass. O governo também publicou a lista completa dos mortos. Entre as vítimas, há cinco professores e 15 estudantes, sendo seis deles menores de idade. "A tragédia em Kerch coloca em evidência uma tendência muito perigosa: sem dúvida, deve-se fazer uma profunda análise e, ainda mais importante, adotar medidas eficazes para minimizar, se não evitar completamente, tais riscos no futuro", disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

Comentários