Brasil

Conselho autoriza demolição do tobogã do Pacaembu

Demolição, entretanto, só poderá ocorrer caso o novo administrador do estádio garanta uma melhor conexão entre equipamento e o complexo esportivo
Fonte: Agência Brasil | Editor: Redação 05/09/2017 12:57
Pacaembu PacaembuFoto: UOL Esporte

O Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental de São Paulo (Conpresp) autorizou a demolição total ou parcial do tobogã, arquibancada atualmente com capacidade para dez mil pessoas e construída em 1970 no lugar da concha acústica.

O Conpresp analisa propostas de empresas privadas interessadas na administração do estádio, que será concedido pela gestão João Doria (PSDB) à iniciativa privada por até 35 anos. A demolição, entretanto, só poderá ocorrer caso o novo administrador do estádio garanta uma melhor conexão entre o equipamento e o complexo esportivo localizado atrás do tobogã.

"O tobogã é uma coisa espúria, que interfere negativamente na anatomia do complexo. A demolição dele é positiva no sentido de integrar a área esportiva com o estádio", argumentou ao Uol o conselheiro da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Marcelo Manhães.

Comentários

Matérias Relacionadas