Educação

Confira os temas que mais caem na prova de Química do Enem 2016

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é composto por provas muito focadas na abordagem dos conteúdos
Fonte: UOL | Editor: Redação 27/10/2016 16:00 - Atualizado em 17/11/2016 15:36
Enem EnemFoto: Imaginie

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é composto por provas muito focadas na abordagem dos conteúdos de forma interdisciplinar dentro das quatro áreas do conhecimento. No entanto, algumas disciplinas são consideradas mais difíceis, como é o caso da Química.

Veja também: saiba quais são os temas que mais caem no Enem

Com a aproximação do Enem 2016, os estudantes costumam focar nas disciplinas em que estão suas maiores dificuldades. Para ajudar nesta reta final de estudos, o professor Clayton Moreira Rosman, da Escola Dinamis, cita quais os nove temas que mais caem nas provas de Química do exame. Confira!

1 - Termoquímica: segundo Clayton, o tema é um dos mais recorrentes nas provas do Enem. Como o exame cobra muito as disciplinas em um contexto que se relacione com a natureza, a Termoquímica está presente em questões sobre matriz energética, tipo e utilização de diferentes combustíveis e seu impacto (qual o mais ou menos poluente e o que gera mais energia).

2 - Química Orgânica: Presente em questões que envolvem reciclagem e reaproveitamento de materiais, a Química Orgânica exige do participante o domínimo sobre polímeros, reações orgânicas, reconhecimento das funções orgânicas, isomeria e classificação das cadeias.

3 - Radioatividade: de acordo com o professor, a forma como a radiotividade é abordada no Enem é um pouco diferente dos vestibulares, já que o foco está mais no contexto histórico e social dos impactos ambientais provocados pelas substâncias radioativas. Outro assunto que deve ser estudado porque sempre cai nas provas são as usinas nucleares (impactos, vantagens em relação às demais formas de energia).

4 - Cálculo Estequiométrico (rendimento, pureza) e soluções (mistura, concentração): o cálculo usado para determinar a quantidade de reagentes que precisam ser usados em uma reação e a quantidade de produtos que serão obtidos é um conteúdo da Química bastante cobrado no Enem, sempre em situações do cotidiano.

5 - Bioquímica: assuntos como os ciclos do carbono e do nitrogênio estão presentes nas questões que envolvem o meio ambiente.

6 - Separação de Misturas: como a água é algo muito presente nos assuntos abordados no Enem, as formas de tratamento e o processo que existe para que a água chegue ao consumidor são conteúdos que caem muito nas provas. Outras formas de separação, como a destilação fracionada para separar os componentes do petróleo, também estão presentes nas provas de Ciências da Natureza.

7 - Deslocamento de Equilíbrio e PH: o Enem cobra do participante a análise da solução, por exemplo, identificar se ela é ácida, se o meio fará com que haja o deslocamento do equilíbrio no sentido de formação do produto, do reagente para a direita ou para a esquerda. O assunto está presente em questões que envolvem reações do corpo humano ou de produtos (como refrigerante).

8 - Funções inorgânicas: o conteúdo está presente, no Enem, em questões sobre o meio ambiente. O aluno vai se deparar com o tema em relação à formação da chuva ácida, tratamento do solo e poluição, por exemplo. O assunto envolve óxidos, sais, ácidos e bases.

9 - Água: além da sua presença na separação de misturas (relacionado ao tramento de água), questões que envolvem ligações químicas, tensão superficial e interação intermolecular também abordam o tema.

Dicas

O professor Clayton ressalta que o Enem exige muito de interpretação e de conseguir identificar o uso da Química no cotidiano. Por isso, o participante precisa ir além de decorar fórmular e identificar elementos, ele precisa saber como os elementos são usados e estão presentes no dia a dia.

Comentários

Matérias Relacionadas