Política Nacional

Jair Bolsonaro diz que não nasceu para ser presidente e sim militar

Em tom de brincadeira, ele reclamou das dificuldades de ocupar o cargo porque tem muitos problemas para resolver
Fonte: Com informações de O Globo | Editor: Redação 05/04/2019 17:28
Jair Bolsonaro Jair BolsonaroFoto: Marcelo Camargo/Agência Brasil/Agência Brasill

Durante um evento com servidores do Palácio doPlanalto nesta sexta-feira, o presidente Jair Bolsonaro disse que não tinha nascido para ser presidente e sim militar . Em tom de brincadeira, ele reclamou das dificuldades de ocupar o cargo.

- Desculpem as caneladas, não nasci para ser presidente, nasci para ser militar, mas no momento estou nessa condição de presidente e, junto com vocês, nós podemos mudar o destino do Brasil. Sozinho não vou chegar a lugar nenhum - disse o presidente em seu discurso.

A declaração foi dada durante uma cerimônia de inauguração do Espaço Integridade da Ouvidoria da Presidência da República. Aos servidores, Bolsonaro também afirmou que ser presidente era "só problema", mas que "tinha como mudar o Brasil".

- Não tenho qualquer ambição, não me sobe à cabeça o fato de ser presidente. Eu me pergunto, olho pra Deus e pergunto: Meu Deus, o que eu fiz para merecer isso? É só problema. Mas temos como ir em frente, nós temos como mudar o Brasil - disse Bolsonaro aos presentes.

Bolsonaro iniciou sua fala dizendo que era um "milagre" ele ter chegado à Presidência da República e lembrou do atentado que sofreu durante a campanha. Em seguida citou uma passagem bíblica repetida à exaustão durante sua campanha eleitoral e alguns presentes responderam gritando "Glória à Deus":

– Confesso que nunca esperava chegar na situação que me encontro. Primeiro porque sobrevivi a um atentado, um milagre. Depois, o outro milagre foi a eleição. A gente tava contra tudo, né? Imprensa, fakenews, tempo de televisão, recuso de campanha, mas respeito quem não tenha religião, mas eu tinha do nosso lado Deus – declarou, citando em seguida:

– E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.

Em outro momento da cerimônia, Jair Bolsonaro defendeu valores familiares e afirmou que a liberdade era o "bem maior":

– Nós temos que lutar pelo nosso Brasil. Não entrem nesta ideologia. Ninguém vai falar aqui de período militar, de democracia. Não, é um período de liberdade. Temos que lutar pelo bem maior que nós temos que é a liberdade, fazer valorizar os valores familiares. Quem não quer ter família, não tem problema nenhum. Agora, a família existe e é célula da sociedade. Uma família sadia é uma sociedade sadia, é um país com perspectivas de futuro. E da maneira como vinham sendo tratadas há pouco tempo, não tínhamos qualquer esperança de mudar o Brasil - afirmou o presidente.

Comentários

Apoio: