Cultura

Bienal de Arte de Veneza fecha edição com recorde de público

Mais de 651 mil pessoas visitaram evento desde maio
Fonte: Noticias ao minuto | Editor: Redação 27/11/2017 08:34
Foto FotoFoto: Reprodução

A 57ª Bienal de Arte de Veneza recebeu 651.152 visitantes em 2017, alta de 23%, e bateu um novo recorde de visitação em sua história, informa a organização neste domingo (26).

Em 2015, o evento recebeu pouco mais de 501 mil visitantes. O grande destaque das visitas ficou por conta do público jovem: 31% as pessoas que foram às instalações tinha menos de 26 anos.

Batizada de "Viva Arte Viva", a Bienal também contou com um grande número de estudantes, que representaram 15% dos visitantes.

"Além da satisfação que trazem consigo os recordes, me agrada pensar que os méritos de nossa curadora Christine Macel vão ser todos reconhecidos. Esses números também são sintomas de alguns fenômenos gerais positivos", disse o presidente da Bienal, Paolo Baratta.

Segundo o líder do evento, os dados "revelam uma crescente familiaridade do público com a arte contemporânea" e mostram que as pessoas têm uma "crescente vontade de descobrir a arte e os artistas como companheiros de viagem".

Quem também comentou os dados positivos do evento foi o ministro para os Bens Culturais da Itália, Dario Franceschini. "Um recorde excepcional de visitantes, do qual estamos orgulhosos, premia essa 57ª edição da Bienal, que será lembrada pela beleza e pelas qualidades das obras", afirmou o ministro.

Para ele, a qualidade do evento deste ano "constitui uma excelência no panorama internacional da arte, que contribui com a imagem e o prestígio da Itália no mundo". Com 120 artistas de 51 países, a Bienal de Arte começou no dia 13 de maio e terminou neste domingo. O evento é realizado desde 1895 na cidade italiana.

Comentários