Esportes

Bélgica bate o Panamá por 3 x 0 com dois de Lukaku

A Bélgica começou a Copa do Mundo da Rússia em alto estilo
Fonte: Metrópoles | Editor: Paulo Pincel 18/06/2018 14:41
Lukaku marcou duas vezes contra o estreante Panamá Lukaku marcou duas vezes contra o estreante PanamáFoto: Richard Heathcote/Getty Images

A Bélgica começou a Copa do Mundo da Rússia em alto estilo, nesta segunda-feira (18/6), no Estádio Fisht, em Sochi. Com um futebol envolvente, principalmente no segundo tempo, derrotou o estreante Panamá por 3 x 0, com dois gols de Lukaku e um de Mertens.

No primeiro tempo, os europeus dominaram as ações de ataque, mas esbarraram em boas defesas do goleiro Jaime Penedo. Porém, no início do segundo tempo, superaram os adversários com um golaço do meia Dries Mertens. A vantagem ficou maior quando o atacante do Manchester United Romelu Lukaku cabeceou bola cruzada por De Bruyne, do Manchester City. O centroavante ainda fez mais um após sair cara a cara com Penedo e deslocar o goleiro rival.

Os panamenhos, estreantes em Copas, mantiveram-se acuados e pouco ameaçaram os belgas na etapa inicial. Mas, após sofrerem o primeiro golpe, mudaram de postura e passaram a tentar criar jogadas de ataque. Apesar disso, o ataque belga superou Penedo mais duas vezes, graças aos dois gols de Lukaku.

As duas seleções ocupam o Grupo G, ao lado Inglaterra e Tunísia, que jogam mais tarde, às 15h.

Antes do jogo
Com um goleiro confiável, dois jogadores acima da média e um bom elenco, a Bélgica vem de uma sequência de 19 jogos sem perder e está atrás apenas da Alemanha e do Brasil no atual ranking da Fifa.

A espinha dorsal é formada pelo goleiro Courtois, o zagueiro Kompany, o volante Fellaini, os habilidosos meias Hazard e De Bruyne e o atacante Lukaku. O time é treinado pelo espanhol Roberto Martínez, que tem como auxiliar o craque francês Thierry Henry, carrasco do Brasil na Copa do Mundo de 2006.

No último Mundial, a Bélgica terminou líder de um dos grupos mais fáceis — formado ainda por Argélia, Rússia e Coreia do Sul —, mas vencendo as três partidas por um único gol de diferença. Nas oitavas, precisou da prorrogação para superar os Estados Unidos, após empate por 1 x 1. O time acabou caindo nas quartas para a Argentina ao perder por 1 x 0.

Dois jogadores são as principais armas do time. O meia Kevin De Bruyne é apontado por muitos como um dos possíveis sucessores de Messi e Cristiano Ronaldo na disputa de melhor jogador do mundo. E o capitão Eden Hazard vive a melhor fase da sua carreira. Nas últimas 10 partidas pela seleção, ele marcou seis gols e deu quatro assistências.

“Estamos em final de temporada e seu rendimento foi muito bom este ano. Ele está em ótima forma para disputar o Mundial e bem preparado mentalmente”, analisou Roberto Martínez. “Eden está num momento ótimo de sua carreira, é o nosso capitão, um jogador que nunca encontra dificuldade. Temos outros jogadores nesta seleção em grande fase, como De Bruyne e Lukaku, mas não podemos ganhar uma partida dependendo apenas de um desses três. Precisamos jogar como um time”, disse.


Ficha técnica:

Bélgica x Panamá

Copa do Mundo da Rússia 2018
Grupo G – 1ª rodada
12h
Estádio Fisht
Sochi, Rússia

Bélgica
Courtois; Vertonghen, Boyata e Alderweireld; Meunier, Fellaini, Witsel e Carrasco; Hazard, Mertens e Lukaku
Técnico: Roberto Martínez

Panamá
Jaime Penedo; Mikael Murillo, Román Torres, Fidel Escobar e Eric Davis; Gabriel Gómez; Aníbal Godoy, Armando Cooper, Edgar Bárcenas e José Luis Rodríguez; Blas Pérez
Técnico: Hernán Darío Gómez

Árbitro : Janny Siazwe (ZAM)

Comentários