Ciência & Tecnologia

ATI: Suporte técnico realizou mais de três mil reparos neste ano

Atendimentos técnicos podem ser solicitados por órgãos e secretarias do Governo do Estado.
Fonte: CCOM | Editor: Redação 02/11/2017 08:52
Sede da ATI no Centro Administrativo de Teresina Sede da ATI no Centro Administrativo de TeresinaFoto: Reprodução

A equipe de redes da Agência de Tecnologia da Informação do Estado do Piauí (ATI) realizou, entre janeiro e outubro deste ano, 3.295 reparos técnicos nas diversas secretarias e pastas ligadas ao Governo do Estado. Entre os atendimentos prestados pelo Núcleo de Operação e Controle (NOC), instalado na ATI, estão serviços de rede e segurança, de dados, de infraestrutura e de sistema.

Além de oferecer suporte aos diversos órgãos do Estado, a Agência de Tecnologia é responsável pelo monitoramento de toda a rede estadual, ou seja, os reparos feitos na própria rede também são contabilizados no relatório de atendimentos. Com esse fator, a ATI aparece em primeiro lugar no registro de chamadas, com um total de 1.546 solicitações.

“No NOC, a gente monitora os equipamentos e a rede de conectividade estadual, por meio dele podemos, por exemplo, monitorar o tráfego de internet, se está funcionando ou não”, explica o gerente de Infraestrutura e Serviço Compartilhado da ATI, Weslley Sousa.

Os atendimentos podem ser solicitados presencialmente ou por meio de email, WhatsApp e ligação telefônica. Cabe aos órgãos solicitar o serviço e informar a situação. Quando acionada, inicialmente, a equipe técnica busca solucionar a dificuldade remotamente, com orientações via celular ou troca de mensagens. Em havendo necessidade, um técnico é deslocado até a sede da secretaria solicitante. “Um dos casos mais frequentes é a queda de internet e a manutenção de computador”, informa o técnico de redes, Jamilson Marques.

Segundo os dados de monitoramento de chamadas da Agência de Tecnologia da Informação, os órgãos que mais solicitaram o atendimento, depois da ATI, foram Fundação Centro de Pesquisa Econômica e Sociais do Piauí (Cepro), seguido da Companhia Metropolitana de Transporte Público (CMTP) e Polícia Civil (PC-PI), com 77, 47 e 36 chamadas, respectivamente.

Em mais uma manhã normal de atendimentos, o suporte da ATI foi solicitado pela Companhia Metropolitana de Transporte Público (CMTP). De acordo com o supervisor administrativo Daniel Nascimento, a CMTP estava com um problema de conectividade. Os técnicos da ATI estiveram no local e realizaram a troca da fonte do rádio que recebe o link da internet, reabilitando o serviço outra vez. “Com relação ao atendimento é excepcional para nós aqui da Companhia Metropolitana”, afirmou Daniel.

Da CMTP, a equipe atendeu um chamado na Fundação Cepro, onde os técnicos de redes retiraram os gabinetes de dois computadores e levaram para a Agência de Tecnologia, onde farão a troca da fonte do equipamento e formatação do sistema. “O computador não reiniciava, ligamos para a ATI e eles prontamente atenderam a nossa solicitação”, disse o coordenador de Patrimônio e Logística da Cepro, Edilson Gonçalves.

O Núcleo de Operação e Controle da ATI funciona de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h. No sábado, a equipe de plantão realiza atendimentos até 12h. Para contactar o suporte técnico há o número 3218-7520, WhatsApp (86) 9 9443-4720 e ainda o email suporte@ati.pi.gov.br.

Comentários

Matérias Relacionadas