Polícia

Assaltante tenta subornar PMs com R$ 450 após ser preso

Os bandidos trocaram tiros com a PM depois de roubar um Corolla no Morada Nova
Fonte: PM-PI | Editor: Paulo Pincel 24/11/2017 14:29
Maurício tentou subornar os policiais militares Maurício tentou subornar os policiais militaresFoto: Polícia Militar do Piauí

Um equipe da Força Tática do 17º Batalhão da Polícia Militar do Piauí prenderam o assaltante identificado como Maurício, depois de uma troca de tiros com a quadrilha, num matagal próximo ao Polo Industrial, no bairro Residencial Odete Nunes, na zona Sul de Teresina. Maurício seria credenciado como motorista do aplicativo Uber e agia na companhia de mais dois comparsas usando um Chevrolet Prisma branco, apreendido pelos policiais militares.

Na noite de quarta-feira (22), após assaltar um casal no Morada Nova, na zona Sul da capital, os bandidos levaram o carro das vítimas, um Toyota Corolla, que foi escondido no matagal. O trio continuou assaltando usando o Prisma, segundo o subtenente-PM Marcelo.

"Na noite de ontem por volta das 19h o Corolla foi tomado de assalto na região do bairro Morada Nova, nós ja tínhamos recebido informações que esse carro estava sendo utilizado para outros tipos de delitos, então nós diligenciamos no dia de hoje em busca do Corolla, tivemos êxito, encontramos o veículo na região do Polo Industrial no residencial Odete Nunes, avistamos quando chegou o Prisma branco para resgatar o Corolla. Houve troca de tiros entre nós e os meliantes e dois conseguiram fugir, mas prendemos um deles que se chama Mauricio”, que tentou subornar os PMs.

“Ele estava com os dois elementos e foram fazer o resgate do carro... ainda teve a audácia de tentar corromper a polícia com R$ 450. Gravamos todo o momento que ele ofereceu o dinheiro, entregamos as imagens para o delegado e ele vai tomar as medidas cabíveis com relação a esse suborno... O Mauricio trabalha como motorista de Uber agora o carro que ele utilizava não é um carro dele, é o carro que ele diz ser de uma pessoa é a cunhada dele, o carro que é dele, que está cadastrado pelo aplicativo é um Ford Fusion e ele utilizava um Prisma, até isso o delegado vai investigar”, acrescentou o subtenente.

Comentários