Hélio Isaías esconde o jogo sobre apoio a sua candidatura

Deputado estadual Hélio Isaías (PP) Deputado estadual Hélio Isaías (PP)Foto: PAULO PINCEL/PH

Na manhã de quinta-feira (10), o deputado estadual Hélio Isaías (Progressistas) chegou muito bem acompanhado na posse do presidente da Associação Piauiense de Municípios, prefeito de Água Branca, Jonas Moura. E repetia aos jornalistas que as negociações com outros partidos estão bem adiantadas, mas sem revelar quem já tinha aderido à sua candidatura. Hélio Isaías precisa de 15 votos, além do seu, para se eleger presidente da Assembleia Legislativa.

Ao lado do presidente do Partido dos Trabalhadores no Piauí, deputado federal Assis Carvalho, e do líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado estadual Francisco Limma, "Diabinho, como é chamado pelos amigos, defendeu a “alternância” de poder no Legislativo.

Hélio se referia aos 14 anos de mandato do atual presidente, deputado Themístocles Filho (MDB), eleito e reeleito por sete mandados consecutivos.

O deputado afirmou que apesar de dialogar e conseguir os votos dos deputados, não iria expor os colegas divulgando esse ou aquele apoio. Na verdade, Isaías esconde o jogo para não ter surpresa no dia 1° de fevereiro, quando os 30 deputados serão empossados e em seguida votam para eleger o novo presidente da Assembleia para o biênio 2019/2020.

Comentários